sexta-feira, 26 de março de 2010

Musa- Audrey Hepburn


Hoje abro meu espaçinho pra falar da musa dos old muvies que está sempre presente quando o assunto é cinema, e acredite Audrey é admirada até hoje e exemplo para muitas atrizes dos tempos modernos, e, claro, para mim uma reles mortal.
Audrey Kathleen Ruston nasceu na capital belga, era a única filha de Joseph Anthony Ruston (um banqueiro britânico-irlandês) e Ella van Heemstra (uma baronesa neerlandesa descendente de reis ingleses e franceses). Seu pai anexou o sobrenome Hepburn, e Audrey se tornou Audrey Hepburn-Ruston. Tinha dois meio-irmãos, Alexander e Ian Quarles van Ufford, do primeiro casamento da sua mãe com um nobre neerlandês.

Audrey foi considerada, a príncípio, uma garota "alta, ossuda, de pés excessivamente grandes para se tornar uma estrela". Mas Audrey, mesmo vivendo na época em que as baixinhas, de curvas generosas, pés miúdos e olhos claros imperavam, soube usar os seus "defeitos" como seus dons e conquistar o mundo com seu lindo rosto, sua elegância e seus profundos olhos castanhos. Segundo o estilista Givenchy, que era incumbido de vestí-la, Audrey era um ideal de elegância e uma inspiração para o trabalho dele.

Em 1967 declarou que iria abandonar o cinema, mas voltou a atuar 9 anos depois. Ao final de sua vida, nomeada embaixadora da UNICEF, trabalhou incansavelmente como voluntária para causas infantis. Hepburn falava francês, italiano, inglês, holandês e espanhol. Havia dúvidas se ela falava espanhol ou não, mas recém descobertas imagens da UNICEF mostram-na falando a língua fluentemente no México. No filme Bonequinha de Luxo, ela é mostrada tentando aprender português, e reclama do grande número de verbos irregulares. Ela diz: "A very complicated language, four thousand of irregular verbs"

De acordo com seu filho Sean, os filmes favoritos dos quais estrelou foram Uma cruz à beira do abismo (por sua mensagem social) e Cinderela em Paris (por ter se divertido muito nas filmagens). Mas em entrevista ela declarou que A princesa e o plebeu era o filme mais querido dela.

Além de um rosto bonito, Audrey era uma mulher humilde, gentil e charmosa, que preferia cuidar dos outros a seu redor do que de si mesma. É considerada a eterna "bonequinha de luxo". Faleceu aos 63 anos, de câncer de cólon.

Filmografia:
1948 - Dutch in Seven Lessons (documentário)
1951 - Monte Carlo Baby
1951 - Laughter in Paradise
1951 - One Wild Oat
1951 - O mistério da torre (The Lavender Hill Mob) (1951)
1951 - Young Wives' Tale
1952 - The Secret People
1952 - We Will Go to Monte Carlo (versão francesa de Monte Carlo Baby)
1953 - A princesa e o plebeu
1954 - Sabrina
1956 - Guerra e paz
1957 - Cinderela em Paris
1957 - Amor na Tarde
1959 - A flor que não morreu
1959 - Uma cruz à beira do abismo
1960 - O passado não perdoa
1961 - Breakfast at Tiffany's (Bonequinha de luxo no Brasil, Boneca de luxo em Portugal)
1961 - Infâmia
1963 - Charada
1964 - Quando Paris alucina
1964 - Minha bela dama (My Fair Lady)
1966 - Como roubar um milhão de dólares
1967 - Um caminho para dois
1967 - Um clarão nas trevas
1976 - Robin e Marian
1979 - A herdeira
1981 - Muito sorriso e muita alegria
1989 - Além da eternidade
PS; Em negrito são os que tenho! o resto ainda vou comprar!kkk
fonte: wikipédia
OBS: Amores, estou super ausente, mas é que essa semana foi só de prova na facul e eu viajo quarta feira pros EUA, ou seja, provas e arrumar malas é uma coisa bem complicada! Prometo tentar postar alguma coisa durante a viagem, mas quando coltar faço um post especial! Um grande beijo a todas!

11 comentários:

Juliana Martins disse...

aaaaaaaaaaaaimeudeus que tudooo!! queria que meu intercambio do ano que vem fosse tbm tipo assim QUARTA kkkkkkkkk mulher audrey é a coisa mais linda néé e quem bom que a senhora ta de volta ;) hahahaha camila http://funnyface vai AMAR esse post ahahaha beijo linda

Lôra disse...

aaaah é vero a camila adora elaa! cara eu sou fã de carteirinha! M.A.R.A.V.I.L.H.O.S.A!

Lalah disse...

nossa ela eh musa mesmo neh!! chiquetona!! beijuus!

Camila Moraes disse...

Patyyy, que post MARAVILHOOOSO!!
Adorei!! Muito lindo.. Ela é perfeita.. linda demais!! Além de uma bela mulher e atriz, ela é um exemplo de mulher!!
Cinderela em Paris ( Funny Face) é o meu filme preferido, não foi a toa que coloquei ele como o nome do meu blog né. Hehehe
Amiga, vc vai viajar p onde??? me leeeva hahahaha.. leva eu e a juuuu!! :P
Beijos

Enrique Coimbra disse...

Eu ainda preciso ver um filme dela! Não vi UM!

KINHA disse...

Olá

Se ficou triste por ter chegado atrasada ou não ter ganho no sorteio do vestido, já tem novo sorteio no ar. Visite o blog e confira. Aproveite para fazer sua inscrição.

Beijo

KINHA disse...

Olá amiga

Passando para deixar um beijinho

Bom dia

Bell Pimentel disse...

Ela é uma musa mesmo. Uma bonequinha de luxo. Adorei o homenagem e o "resumão" sobre a vida e a carreira dela.

Beijocas fashionistas, Bell!
[http://fashionistabaiana.blogspot.com/]

coisasdeamiga disse...

Uma muuusa mesmo, diva sempre!
Adorei o post sobre a vida dela, super completo!

Beeijos

Jade Giovannini disse...

acho que só não gosta da audrey quem não a conhece, porque ela é muito diva.

bjs

Aline Carvalho disse...

Meu Deus, quem não gosta da Audrey? Ela é inspiração para todas, na um ícone de elegância.

Postar um comentário